• Blog
  • Curso de Gastronomia: ideal para você dominar a arte de cozinhar

Curso de Gastronomia: ideal para você dominar a arte de cozinhar

Curso de Gastronomia: ideal para você dominar a arte de cozinhar

Antes de mais nada, o interesse pela gastronomia vem ganhando cada vez mais destaque no cenário nacional, seja por causa dos programas de televisão ou crescimento do mercado de trabalho. Novas receitas e pratos mais elaborados deixam o telespectador com água na boca, e é claro, com vontade de repetir essas receitas e se sentir um chef de cozinha.

Para ingressar no curso e atuar na área, saiba que durante as aulas você vai adquirir as técnicas e as habilidades necessárias, para preparar bons pratos e trabalhar os sentidos, extraindo o que há de melhor em cada receita.

Por mais que você goste da área, mas cozinhar não é o seu ponto forte, deve estar se perguntando “Será que eu consigo iniciar o curso sem saber cozinhar?”  Essas e outras dúvidas relacionadas a gastronomia, serão respondidas ao longo do nosso blog.

O que é gastronomia?

A gastronomia é a área de conhecimento que estuda e desenvolve a técnica de preparo dos alimentos, a fim de entregar uma alimentação de qualidade. Além da elaboração e criação de pratos, estuda-se as bebidas e suas combinações, empreendedorismo e gestão, para quem deseja abrir o próprio negócio ou gerenciar um estabelecimento.

O hábito de alimentar-se é um instinto de sobrevivência que teve início durante a Idade Média, quando o homem desenvolveu a prática da caça, passado algum tempo ele desenvolveu a agricultura e a domesticação dos animais, auxiliando no desenvolvimento dessas atividades.

Desse modo o cultivo de alimentos seguiu entre os povos egípcios e mesopotâmios, graças aos rios Nilo, Tigre, Eufrates e ao solo fértil em torno dos rios. Mas foi durante o Império Romano que houve um desenvolvimento do comércio entre os povos, devido à escassez e a abundância de determinados produtos em diferentes regiões, algumas especiarias tornaram-se fundamentais na preservação e tempero dos alimentos, fortalecendo a prática entre diferentes povos e países.

Passado algum tempo, durante o reinado de Henrique II, ao se casar com a italiana Catarina de Médici ela levou parte da culinária italiana para a França, algo que causou grande impacto no modo de se alimentar dos franceses.

Porém, foi durante o reinado de Luís XIV que a sofisticação e o requinte acompanharam a evolução da gastronomia francesa, tornando o simples hábito de alimentar-se em celebrações grandiosas para a sociedade da época, tornando-se referência até hoje no mundo.

Aqui no Brasil, a gastronomia começou a tomar forma durante o período de colonização, quando os hábitos alimentares dos índios, portugueses e escravos, se uniram após o escambo de alimentos e de cultura.

Além disso, após a chegada da família real portuguesa, o Brasil passou a receber fortes influências da culinária italiana, inglesa e francesa, que trouxeram alimentos que caíram no gosto popular e seguem queridos pelos brasileiros até hoje.

Nesse meio tempo, a gastronomia brasileira ficou mais forte e passou a influenciar outras culinárias pelo mundo, inspirando a criação de novos pratos e fortaleceu ainda mais o vínculo cultural entre o brasileiro e a comida.

Atualmente os programas de televisão são os principais influenciadores no crescimento da procura pelos cursos da área, tornando a gastronomia um item importante de entretenimento e até mesmo item de moda, lançando tendências. A pandemia também foi um reforço, pois cozinhar foi considerado por muitos uma terapia.

Como é a faculdade de gastronomia

O curso superior de gastronomia é um tecnólogo, o tempo médio de conclusão dos cursos no Brasil são de dois anos, possui quatro períodos e pode ser feito de forma presencial ou à distância (EaD).

Por possuir um tempo menor de duração, o tecnólogo tem foco no ensino mais prático e menos teórico, portanto o aluno passa a maior parte desse tempo dentro da cozinha, a fim de preparar o profissional para ingressar, de forma rápida, no mercado de trabalho.

Ao concluir a formação você receberá o diploma com o título de tecnólogo, algumas pessoas não sabem ou ficam em dúvida, mas saiba que ele possui a mesma validade do bacharel e da licenciatura. Dessa forma, você será reconhecido como Gastrólogo, profissional com conhecimento técnico, científico e teórico necessários para atuar na área.

Além disso, as aulas seguem tanto o formato convencional – em sala de aula – quanto em laboratório, dependendo da grade curricular,  já no primeiro período você inicia as aulas práticas.

Uma dúvida comum entre os interessados é “para iniciar o curso de gastronomia, preciso saber cozinhar?” Saber cozinhar não é um pré-requisito, pois durante as aulas em laboratório você vai aprender o básico em relação ao uso dos equipamentos, cortes, higiene dos alimentos e de forma gradativa, ao adquirir experiência e for avançando nas aulas, você aprenderá sobre as técnicas culinárias, cozinha internacional, bebidas, panificação, confeitaria, montagem dos pratos, entre outros.

Nesse caso, para quem deseja fazer o curso à distância, as aulas teóricas seguem normalmente pela plataforma digital e as aulas práticas são feitas em laboratório, sempre acompanhado do professor e com o todo o suporte necessário para a realização das atividades e preparo dos alimentos.

O que faz um profissional formado em gastronomia

O gastrólogo, como é conhecido o profissional formado em gastronomia, pode atuar em diversas áreas, tais como:

  • Confeiteiro;
  • Personal chef;
  • Chef de cozinha;
  • Segurança alimentar;
  • Consultoria;
  • Barista;
  • Indústria alimentícia.

… entre outros.

E aí surge a seguinte dúvida: “Mas quando eu me formar eu não serei um chef de cozinha?”. A princípio não, de modo que para chegar ao cargo de chef além de muito esforço, demanda também muita dedicação, conhecimento e experiência. Afinal de contas, mesmo que tenha o diploma em mãos, é necessário ter disciplina e seguir a hierarquia, geralmente começando como auxiliar de cozinha.

Por isso, na hora de escolher o campo de atuação, o profissional deve considerar as questões culturais, sociais e econômicas, observar o que mais gosta de fazer e onde deseja trabalhar. Atualmente as áreas com melhores remunerações são as áreas de consultoria gastronômica e eventos, como personal chef.

Onde estudar gastronomia?

Se você mora no Espírito Santo, está a procura do curso de gastronomia e deseja obter um ensino de qualidade, você encontra aqui na Multivix. Contamos com a faculdade de gastronomia no ensino presencial e para você que mora aqui ou em algum outro lugar do país e deseja estudar de casa, temos o ensino EaD, com diversas formas de ingresso, profissionais capacitados e excelentes estruturas de salas de aula e laboratórios.

Venha e faça parte de uma das melhores faculdades do Brasil, segundo o MEC, e garanta já o seu lugar no mercado de trabalho.

E-book: EAD ou Presencial.