• Blog
  • Como escolher uma pós-graduação: 5 passos infalíveis

Como escolher uma pós-graduação: 5 passos infalíveis

Como escolher uma pós-graduação: 5 passos infalíveis

No Brasil, o estudo contínuo ainda é uma realidade apenas para pequenos grupos, mas uma necessidade cada vez maior no mercado de trabalho. E, nesse cenário, muitos não sabem como escolher uma pós-graduação.

Afinal, a Graduação oferece uma formação bem generalista que vai desde a base teórica, passando por todas as práticas das possibilidades de atuação daquela área, ou seja, são muitos caminhos para seguir.

Por outro lado, na pós-graduação é a hora de encontrar sua especialização, seu foco profissional. Então, como escolher uma pós-graduação de forma certeira é a questão que fica e, hoje nós vamos te ajudar a respondê-la, Boa leitura!

Afinal, como escolher uma pós-graduação?

A pós-graduação é um caminho quase que obrigatório para a grande maioria dos profissionais de nível superior, o mercado de trabalho pede por isso e para quem deseja estar em constante melhoria, é a melhor escolha possível.

Mas, antes da gente explicar como escolher uma pós-graduação, vamos refletir um pouco melhor sobre o assunto.

Você sabe qual é o intuito de uma pós-graduação? As diferenças entre Pós Lato e Stricto Sensu? Qual é o momento ideal para fazer uma? E, finalmente, como escolher uma pós-graduação?

Bom, então vamos começar na parte mais simples, né?

Qual é o intuito da pós-graduação?

Basicamente, uma pós-graduação tem o intuito de oferecer uma preparação extra ao profissional que saiu da Graduação, a ideia é elevar a capacitação profissional, ou seja, deixá-lo mais preparado para as tarefas do dia a dia e desafios do mercado.

De forma geral, a vivência pós-faculdade costuma desprender o profissional dos conhecimentos básicos e, até mesmo, criar alguns “vícios” gerados pela rotina de trabalho, atrapalhando seu desempenho ou induzindo ao erro.

Por isso, fazer uma pós-graduação pode trazer uma atualização necessária, bem como, gerar mais conhecimento ao profissional que já está no mercado. Por outro lado, também é um fator extra para o currículo dos profissionais que estejam fora de suas áreas.

Em resumo, a ideia da pós-graduação é o estudo contínuo. Muitas coisas podem mudar na profissão após a faculdade, mas o profissional deve estar sempre atualizado, por isso a pós-graduação é tão necessária.

Pós Lato e Stricto Sensu

Provavelmente você nunca ouviu falar sobre isso ou ainda não conseguiu identificar as diferenças entre esses dois tipos de pós-graduação, né?

Em resumo, o tipo Stricto Sensu se refere aos programas de Mestrado ou Doutorado, por isso, não estranhe quando alguém falar sobre essas duas coisas, usando o termo “Pós”.

Por outro lado, a pós-graduação Lato Sensu é o tipo que estamos tratando neste artigo, um curso de especialização e MBA.

Em ambos os casos, é necessário ter o diploma de nível superior completo, ou seja, você só pode ingressar neles após a faculdade.

Além disso, enquanto o primeiro é voltado para preparação acadêmica e para pesquisas, o segundo já é voltado para capacitação profissional e preparação para o mercado de trabalho. São tipos diferentes e não necessariamente complementares.

Qual é o momento ideal para fazer uma pós?

Não existe nenhuma regra de tempo para fazer pós-graduação, mas saber o momento certo para isso é o que faz toda diferença.

Por exemplo, algumas pessoas costumam fazer pós-graduação logo que saem da faculdade ou apenas muitos anos depois, porém, ambas as situações podem não ser as melhores escolhas.

No primeiro caso, os conhecimentos ainda estão muito frescos na mente da pessoa, além disso, os primeiros anos são voltados para a decisão profissional.

Se você acha que já vai sair da Graduação sabendo exatamente como e onde deseja trabalhar, a realidade pode ser frustrante, porque isso dificilmente acontece. E tá tudo bem!

Ou seja, a ideia é justamente usar os 2 primeiros anos da faculdade para se encontrar: viver as primeiras experiências após a formação, descobrir na prática qual área específica da profissão você deseja seguir e, aí sim, escolher sua pós-graduação.

Afinal, você já terá uma noção melhor sobre como deseja atuar, além de já ter um tempo de formação, tendo a necessidade de se atualizar.

Por outro lado, temos pessoas que esperam muito tempo para dar continuidade aos estudos e isso também pode ser um erro.

Resumidamente, é ao contrário do primeiro caso. Aqui, a pessoa acaba ficando desatualizada e corre o risco de não encontrar exatamente o que fazer, além de perder melhores oportunidades de trabalho, por não evoluir sua senioridade.

Em resumo, a dica é esperar entre 2 a 3 anos de formação para iniciar uma pós-graduação, mas isso vai depender dos seus planos, então é uma decisão totalmente pessoal e depende de caso particular. De qualquer forma, é uma escolha certeira para a carreira.

Por fim, chegamos à questão mais importante: afinal, como escolher uma pós-graduação?

De forma geral, não existem segredos ou um curso perfeito, o ideal é seguir alguns pontos como:

  • Objetivos de carreira;
  • Área da profissão que mais deseja trabalhar;
  • Flexibilidade para fazer a pós enquanto trabalha;
  • Grade de matérias atualizada com o mercado;
  • Escolher a instituição que melhor te atenda;
  • Pensar a longo prazo.

Estes são os pontos que você deve levar em conta na hora de escolher sua pós-graduação, ou seja, pensar tanto no lado pessoal, quanto nas necessidades profissionais para acelerar sua carreira.

Agora, se você ainda tem dúvidas que essa será uma  ótima escolha para você nesse momento, veja agora 5 motivos para fazer uma pós-graduação em 2021.

E-book: Guia de Especialização: Saiba os cursos que a Multivix oferece.

5 motivos para fazer uma pós-graduação

Nos últimos anos, cresceu a dúvida sobre a necessidade do estudo contínuo, mas o mercado de trabalho vem provando que esse ainda é um pré-requisito para quem não quer se manter estagnado e pretende alavancar a carreira em pouco tempo.

Então, vale a pena iniciar uma pós-graduação? Confira 5 motivos para já fazer sua matrícula:

  1. Carreira

Primeiramente, vamos pontuar um fato que já destacamos nos tópicos acima: a pós-graduação garante mais visibilidade e chances de crescimento no mercado de trabalho.

E não para por aí! Além disso, com a pós-graduação você é capaz de encontrar trabalhos melhores, ser mais reconhecido e ainda oferecer serviços melhores à empresa que você trabalhar.

Ou seja, em relação à melhorias para a carreira, não há dúvidas de que a pós-graduação é o melhor caminho. Através do curso é possível se desenvolver profissionalmente em pouco tempo.

  1. Salário 

Assim como a melhoria da carreira profissional, consequentemente os salários de um profissional pós-graduado também são consideravelmente melhores.

Recentemente, um estudo divulgado pelo Instituto Semesp, revelou que um profissional com pós-graduação pode chegar a ganhar até 255% a mais que um profissional apenas com faculdade completa.

Ou seja, é um investimento com retorno salarial e de mérito a longo prazo.

  1. Mudança

Outro ponto positivo da pós-graduação é para quem deseja fazer alguma mudança de área ou simplesmente complementar sua formação de forma mais abrangente.

Por exemplo, digamos que você tenha feito a faculdade de Economia, mas se descobriu na área de Dados, possivelmente você encontrará boas oportunidades de emprego na área, após realizar uma pós-graduação em Tecnologia.

Por outro, caso você queira apenas deixar sua formação mais completa também é possível. Normalmente a Graduação deixa algumas lacunas que podem ser exploradas na Pós.

  1. Novos conhecimentos 

O estudo contínuo garante uma carreira sempre atualizada, mantendo o profissional por dentro de tudo que mudou ou das novidades que possam chegar em sua área.

Quando estamos no mercado de trabalho, concentrados na rotina do dia a dia, pode ser bem difícil acompanhar os novos tempos, principalmente se você já tiver muitos anos de formação na faculdade, por isso, os novos conhecimentos serão refresco.

Além de se atualizar sobre o que mudou, ainda é a oportunidade de desenvolver novos talentos para acrescentar no seu currículo.

  1. Novo título

Por último, temos que destacar que a pós-graduação é um novo título que terá forte peso no seu currículo para entrevista de emprego e reconhecimento profissional.

Bem como, para o caso de pessoas que desejam seguir para o meio acadêmico ou concurso público, fazendo Mestrado e Doutorado.

Primeiro, no meio acadêmico você precisa passar pela pós-graduação para fazer as demais especializações, ou seja, é uma etapa que não dá para pular.

Da mesma forma acontece com quem quer ser concurseiro, afinal, uma pós-graduação vale muitos pontos na avaliação final e pode ser decisiva, te ajudando a conquistar uma vaga.

Em resumo, vale a pena sim fazer pós-graduação em 2021, pois o curso ainda traz muitos benefícios para a carreira, independente da área profissional.

Mas, afinal, existe alguma diferença entre pós-graduação e MBA? O que é MBA?

Especialização e MBA são a mesma coisa de Pós-graduação?

Basicamente, todo MBA (Master of Business Administration) é uma pós-graduação, porém a pós-graduação nem sempre pode ser definida como um MBA e isso vai depender do foco acadêmico do curso.

Enquanto a pós-graduação é voltada para preencher as lacunas deixadas na Graduação e especializar o profissional na sua área escolhida, o MBA é voltado para profissionais com foco em gestão, administração e negócios.

Leia também: Pós-graduação: MBA ou Especialização, qual fazer?

Por exemplo, digamos que você já é um profissional com experiência no mercado e tem o objetivo atual de conquistar um cargo de gestão como coordenador ou gerente de um setor, neste caso, o MBA é a escolha certa para você.

Isso porque em um MBA, você terá toda a parte prática e teórica da profissão tal qual a pós-graduação, mas além disso, a grade estará focada nesse papel dentro de um cargo de gestão, então você terá matérias nesse sentido.

Como gestão de pessoas, gestão de tempo, resultados, negociação e por aí vai!

Por outro lado, a pós-graduação já é mais voltada para aquele profissional que deseja ter uma especialização na profissão, focando em um tipo de trabalho específico.

Por exemplo, se você é formado em Direito, pode escolher se especializar em Direito Civil, Direito Digital, Direito do Consumidor. Ou seja, a pós-graduação te torna especialista em uma função específica da sua profissão.

Resumidamente, ambos são considerados pós-graduação, a diferença é que no MBA você encontrará conteúdos mais focados na gestão de negócio ou preparação para cargos de gestão dentro de empresas.

Como escolher a melhor instituição para fazer minha pós?

Finalmente, você já tem todas as informações necessárias para tomar sua decisão e iniciar uma pós-graduação sem erros, mas ainda falta um ponto muito importante: a instituição!

Assim como na Graduação, a instituição escolhida vai aparecer em seus diplomas, certificados e currículos, sendo assim, será um marco essencial que pode otimizar ou prejudicar a imagem que o mercado de trabalho terá da sua formação profissional.

Sendo assim, escolher a instituição certa deve ser um dos principais focos depois que você descobriu aqui como escolher uma pós-graduação.

A seguir, confira 3 dicas para escolher a instituição certa:

Reconhecimento

A primeira informação que você deve buscar sobre a instituição é se ela tem autorização do MEC para funcionamento.

Toda e qualquer instituição de ensino que esteja em pleno funcionamento deve ser reconhecida pelo MEC. Sendo assim, é necessário pesquisar se a sua escolhida possui autorização atualizada do Ministério da Educação.

Vale ressaltar que a sua pós-graduação só será válida com isso, então de nada adianta fazer um curso em um local sem a autorização do órgão competente, pois a especialização não será válida em nenhum lugar, além de manchar seu currículo

Qualidade

Em seguida, leve em consideração o fator qualidade em todos os aspectos possíveis: analise a grade do curso, o corpo docente e a estrutura oferecida aos alunos. Bem como, o atendimento e o suporte que a instituição consegue oferecer.

Normalmente, uma se for Pós Lato Sensu dura em torno de 6 meses a 2 anos e meio enquanto o tipo Stricto Sensu pode levar de 2 a 5 anos, por isso, pense no seu conforto e ensino a longo prazo, tudo deve ter a qualidade que sua formação precisa.

Flexibilidade

Provavelmente você é um profissional empregado no mercado de trabalho ou que busca, justamente, encontrar um emprego com a pós-graduação, certo?

Por esse motivo, é essencial que o curso tenha flexibilidade para você adaptar a sua rotina corrida. Para isso, a dica é investir em pós-graduação EAD, assim você poderá estudar de casa ou até mesmo do trabalho, além de não precisar se deslocar.

No EAD o tempo de curso e o investimento também costumam ser menores, sendo um cenário ideal para jovens e adultos que possivelmente já tenham família, por exemplo.

Em conclusão, fazer uma pós-graduação é a chave para encontrar melhores oportunidades, mudar de carreira, aumentar o salário e adquirir novos conhecimentos, então se você se encaixa em alguns desses perfis, essa é a opção certa para você.

Faça sua matrícula na Pós-Graduação Online da Multivix.