Menu
  • Blog
  • Engenharia de Computação: formação e mercado de trabalho rumo ao futuro

Engenharia de Computação: formação e mercado de trabalho rumo ao futuro

Engenharia de Computação: formação e mercado de trabalho rumo ao futuro

A área de tecnologia está em alta, seguindo os avanços do setor nos últimos anos e a sua grande relevância para a sociedade. A coleta, processamento e análise de dados é uma necessidade no mercado, assim como a proteção destas informações. Devido à isso, os cursos da área vêm se destacando como as profissões do futuro.

Entre estes, a Engenharia de Computação se destaca. A profissão se diferencia das Ciências da Computação ao atuar diretamente com o hardware e as tecnologias de base, além do estudo dos sistemas computacionais.

Assim, o engenheiro de computação é a base de toda a tecnologia, atuando na programação e projetando computadores e outros equipamentos de informática.

Neste artigo trazemos mais informações a respeito da formação em Engenharia de Computação e como funciona esta carreira. Com ele, você vai entender um pouco mais do mercado de trabalho para estes profissionais. Confira!

O curso de Engenharia de Computação

A graduação em Engenharia de Computação tem duração média de 5 anos (10 semestres), geralmente na modalidade bacharelado, podendo ser oferecida em período integral ou turnos, presencial ou a distância. Boa infraestrutura de acesso à tecnologia e informática são essenciais para a faculdade que oferece este curso.

Nas melhores faculdades de Engenharia de Computação, a matriz curricular inicia com conhecimentos gerais das Engenharias, como Matemática, Física, Cálculos, Computação, Mecânica, Estatística e Geometria Analítica. Assim, o aluno começa a ter uma base da área, para posteriormente ser apresentado à disciplinas mais especializadas.

Desta forma, posteriormente são introduzidas matérias específicas da Engenharia de Computação, como Circuitos Elétricos, Programação, Sinais e Sistemas, Eletrônica Digital, Engenharia de Software e Sistemas Embarcados. Oportunidades de estágio supervisionado garantem a aplicação na prática dos conhecimentos adquiridos em sala de aula.

A carreira

Quem se forma em Engenharia de Computação pode escolher entre diversas áreas de atuação, sempre ligadas à projetos de computadores e seus sistemas. A criação de robôs e sistemas digitais é uma área que está em alta demanda, assim como o desenvolvimento de aplicativos.

Empresas de telecomunicações são um dos seus mais tradicionais empregadores, além dos setores de automação industrial e robótica, automobilístico e de informática, e também no gerenciamento de redes. Até mesmo no setor farmacêutico é possível encontrar uma boa colocação para este profissional, que desenvolve soluções tecnológicas para análises mais precisas de laudos e pesquisas.

Mercado de trabalho

O engenheiro de computação tem uma profissão muito relevante na sociedade altamente tecnológica de hoje em dia e, por isso, é muito valorizado no mercado de trabalho. Sua versatilidade é um ponto forte, especialmente na indústria, o que coloca os polos industriais do país como regiões de maior demanda.

O salário deste profissional costuma ser bastante atraente e pode melhorar ainda mais se o profissional se graduar em uma boa faculdade de Engenharia de Computação.

É preciso ficar atento às novidades e se manter sempre atualizado, pois as tecnologias se desenvolvem rápido. Especializações também são boas formas de valorizar o currículo.

Se você tem interesse na Engenharia de Computação aproveite e faça download do e-book do curso, que conta com todas as informações necessárias para quem deseja seguir nessa área!