• Blog
  • Descubra como fazer citações de forma correta na redação

Descubra como fazer citações de forma correta na redação

Descubra como fazer citações de forma correta na redação

Quando o assunto é redação, é comum que muitas dúvidas venham a surgir. Dentre elas “como fazer um título atrativo?”, “como produzir um texto com coesão e coerência?” ou, ainda, “como criar uma conclusão perfeita?”. O que não se fala muito, mas que é uma das maiores dúvidas (e erros)  na redação são as citações direta e indireta.

Se você faz parte do grupo de pessoas que têm dúvida quanto a isso, leia este post até o final e descubra como fazer citações de forma correta na redação para que você saia à frente dos concorrentes nas provas como a do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio). Vamos lá?

O que é citação?

Para falar de citação é importante que você entenda o conceito de intertextualidade, pois a citação é justamente isso.

A intertextualidade é o ato de “misturar” um texto e outro. Isso acontece por meio de referências de um texto que é usado dentro de outro, ou quando você quer citar ditados populares na sua redação, por exemplo.

Sei que você pode estar achando um pouco confuso, mas vai ficar mais fácil quando você entender que existem tipos de citação e quais são eles.

Tipos de citação

Agora que você já sabe o que é uma citação, vamos nos aprofundar um pouco mais e falarmos sobre os tipos que existem. Vale lembrar que as citações também são conhecidas como “discurso”. Portanto, você pode encontrá-las nos enunciados como:

  • Citação direta
  • Discurso direto
  • Citação indireta
  • Discurso indireto
  • Citação indireta livre ou
  • Discurso indireto livre

Ao continuar a leitura você irá entender tudo sobre cada uma delas e qual é a citação ideal para usar em cada momento do seu texto.

Citação direta

Esse tipo de citação talvez seja um dos mais comuns e até mais utilizados, principalmente nas redações nota 10 do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio). E sabe por que isso acontece? Porque ela é prática.

A citação direta é quando você usa o recorte de um discurso de outra pessoa no seu texto sem mudar nem uma vírgula, ou seja, você escreve aquele discurso exatamente igual a pessoa falou.

Mas, fique atento: ao utilizar a citação direta é necessário que você faça o uso das aspas (“). Ou, caso sua citação seja a reprodução de um diálogo, você também pode usar o travessão (-).

Veja como funciona no exemplo abaixo:

Exemplo: Uma das frases mais famosas da literatura mundial foi dita na peça de teatro “A tragédia de Hamlet”, do poeta e ator inglês, William Shakespeare, que diz “Ser ou não ser, eis a questão”.

Geralmente, a citação direta é muito recomendada para textos:

  • Expositivos
  • Argumentativos e
  • Narrativos.

Citação indireta

Como o próprio nome sugere, a citação indireta não é uma reprodução direta da fala de alguém. Neste caso, ela acontece quando você reproduz a fala de alguém, porém com suas próprias palavras.

Na citação direta você vai escrever a fala de alguém conforme sua a interpretação, sem aspas e sem travessão, mas sempre com a indicação de quem foi que disse aquilo, em que momento, em qual livro, por exemplo, e por aí vai.

É importante que você sempre se lembre de informar quem falou algo que foi usado no texto, pois não podemos esperar que o leitor do seu texto adivinhe ou já tenha conhecimento sobre aquilo que você citou.

É importante que você sempre se lembre de informar quem falou algo que foi usado no texto, pois não podemos esperar que o leitor do seu texto adivinhe ou já tenha conhecimento sobre aquilo que você citou.

Exemplo: O autor e professor Mario Sergio Cortella defende que é melhor fazer algo nas condições que você tem hoje enquanto não tem condições melhores de fazer melhor ainda ao invés de deixar de fazer.

Apesar de ser diferente da citação direta, a citação indireta também é comum nos textos expositivos, argumentativos e narrativos.

Citação indireta livre

Agora que você já está fera nas citações direta e indireta, vamos falar da citação indireta livre. Podendo também ser chamada de discurso indireto livre, este tipo de citação é o menos comum dos três que trabalhamos neste blog.

Como ele ocorre muito menos, vamos encontrar maior incidência dele nos textos narrativos por conta da dinamicidade desse tipo de texto.

Game ENEM

O uso da citação indireta livre acontece quando o discurso do narrador “invade” o pensamento ou a fala dos personagens. Ou seja, o pensamento do personagem e a fala do narrador se misturam como se ambas acontecessem ao mesmo tempo.

Parece complicado, mas não é. Veja como funciona no exemplo a seguir.

Exemplo: Essa era a última vez que falaria com sua companheira. Não aguentava mais ser o injusto, o culpado por todos os problemas do casal, o que sai e volta a hora que bem dá na telha!

Durante uma leitura, geralmente nem percebemos isso, pois é como se o narrador parasse a narração, entrasse a fala do personagem e depois voltasse a narração.

Na teoria pode causar uma estranheza, mas acontece de forma natural durante uma leitura e muitas vezes nem sequer percebemos.

Quer mais dicas preciosas?

Acredito que depois dessa leitura, os conceitos de citação direta, indireta e indireta livre estão muito bem esclarecidos, certo? Mas, como todo bom estudante que quer realizar grandes sonhos, você não pode parar por aqui.

Você pode aproveitar para conhecer o Descomplicando o ENEM, um portal voltado para o ENEM que conta com testes, simulados e muitas dicas para caprichar na redação e se preparar para uma das provas mais importantes quando o assunto é entrar na faculdade.

Agora, caso não queira perder nenhuma novidade do universo do ensino superior, cadastre-se em nossa newsletter para continuar recebendo conteúdos como esse.

Nos vemos no próximo post!