Aviso

AVISO - Informamos que as aulas do dia 20 de novembro estão canceladas nas unidades da Grande Vitória.
Menu
  • Blog
  • Engenharia Química X Química: entenda a diferença entre essas graduações

Engenharia Química X Química: entenda a diferença entre essas graduações

Engenharia Química X Química: entenda a diferença entre essas graduações

Não é raro que várias profissões estejam associadas a uma mesma área do conhecimento. Em alguns casos, pode até haver uma confusão entre os vestibulandos. Você sabe por exemplo, o que faz o egresso de uma faculdade de Engenharia Química? Quais as diferenças e semelhanças para a graduação em Química?

Conhecer as atribuições específicas dessas carreiras e também das respectivas graduações é importante para que você tenha a certeza de que está fazendo a escolha certa. Continue a leitura!

Conheça a faculdade de Química

A faculdade de Química é oferecida nas modalidades Bacharelado e Licenciatura. O Licenciado é preparado para se tornar professor e, ao final do curso, estará apto a assumir turmas do Ensino Fundamental e Médio. Por essa razão, algumas disciplinas estão relacionadas às práticas pedagógicas utilizadas durante o processo de ensino-aprendizagem.

O Bacharel, por sua vez, se dedica-se ao estudo científico das propriedades da matéria e suas transformações. O curso de Química, portanto, é mais voltado para as atividades de análise e pesquisa.

Como parte dessa proposta, a grade curricular é composta, em sua maioria, por disciplinas relacionadas ao saber científico, como Cálculo, Física e Química, incluindo as subdivisões em Química Orgânica e Inorgânica.

Conheça a faculdade de Engenharia Química

A faculdade de Engenharia Química, por sua vez, forma profissionais capazes de aplicar o seu conhecimento em química em processos industriais para viabilizar o desenvolvimento e a fabricação de produtos em larga escala.

O caráter interdisciplinar da formação do engenheiro químico é justificado pelo estudo de processos como a termodinâmica, a resistência dos materiais, energia nuclear ou compostos químicos.

Disciplinas como Matemática e Física ainda fazem parte do currículo, mas agora a sua abordagem é voltada a áreas específicas, destacando-se, por exemplo, Matemática e Computação. Nas melhores faculdades de Engenharia Química, o curso dura, em média, cinco anos. Esta graduação, porém, só é oferecida na modalidade bacharelado.

Veja onde cada profissional pode trabalhar

Por último, nós vamos explicar onde cada um desses profissionais pode trabalhar: os licenciados em Químicos podem trabalhar na área de educação, como já foi dito. Bacharéis, por sua vez, podem participar de pesquisas acadêmicas ou realizar análises laboratoriais.

Na indústria, ele está apto a atuar em atividades em pequena escala, realizando análises e desenvolvendo novos produtos ou aperfeiçoando os já existentes nas áreas de cosméticos, alimentos, tintas, plásticos ou combustíveis, por exemplo.

Já os egressos do curso de Engenharia Química, por sua vez, encontram emprego em vários setores da indústria, podendo atuar em qualquer uma das etapas da cadeia produtiva, podendo planejar os equipamentos e orientar as equipes envolvidas.

Também pode atuar na criação de produtos, emitindo um parecer sobre a viabilidade técnica ou econômica a respeito de cada um dos lançamentos. Finalmente, o engenheiro químico também deve contribuir para que os processos industriais estejam de acordo com a legislação ambiental, protegendo ou minimizando os impactos provocados pela atividade industrial.

Entendeu quais as diferenças entre a faculdade de Engenharia Química e a graduação em Química? A Multivix oferece um dos cursos de Engenharia Química mais completos, quer saber mais? baixe agora mesmo o ebook do curso!