Menu

Palestra Síndrome de Turner

Palestra Síndrome de Turner

Acadêmicos dos cursos de Enfermagem, Farmácia e Nutrição da Faculdade Multivix unidade Cariacica participam de palestra sobre a Síndrome de Turner.

 Aos 03 dias do mês de junho deste ano os alunos dos cursos de Enfermagem, de Farmácia e de Nutrição da Faculdade Multivix unidade Cariacica tiveram a oportunidade de ter contato com a palestrante Bianca Lemos Silva, que possui a Síndrome de Turner. A referida síndrome é causada pela ausência de um cromossomo sexual X e acarreta algumas alterações fenotípicas no indivíduo que a possui.

A síndrome de Turner é uma aneuploidia advinda de erros na meiose paterna ou materna. Como principais alterações fenotípicas, destacam-se: baixa estatura, pescoço alado, baixa implantação do cabelo na nuca; tórax largo em forma de barril; anomalias renais e/ou cardiovasculares, rins em ferradura, esterilidade, ausência de menstruação, baixo desenvolvimento das glândulas mamárias, pálpebras caídas, unhas estreitas, linfedema congênito, dentre outros.

Na palestra intitulada “Síndrome de Turner: Genótipo, fenótipo e desconstruindo estereótipos”, Bianca Lemos Silva, aluna do 5º período de Direito da Faculdade Multivix-Vitória, jovem que possui a síndrome e que é militante na sensibilização de meninas e mães de meninas com Turner a nível nacional, trouxe à tona os aspectos genéticos e fenotípicos da síndrome, além de explanar sobre a sua história de vida e principais tratamentos médicos as quais foi submetida desde a mais tenra infância.

Os alunos dos cursos da área da saúde estão de parabéns! Interagiram sobremaneira com a palestrante!!! Foi uma manhã de intensa troca de saberes!

A aluna do 3º período do curso de Enfermagem, Natália Bremenkamp Brum, destaca que “durante a graduação em enfermagem, estudamos diversos assuntos primordiais para nosso futuro profissional. Embora a teoria seja positivamente aplicada, ter a experiência prática contribui imensamente para dar a nós, futuros enfermeiros, um grande diferencial”.  Também ressalta que “a palestra ministrada pela Bianca, não só nos deu a oportunidade de poder ter visto, ouvido e participado da mesma, mas acredito que para muitos, como para mim, foi o primeiro contato com uma mulher portadora de uma síndrome tão incomum, a Síndrome de Turner. Ver que na prática, aquilo que pensamos, estudamos e até vemos imagens na internet, não é realmente o que é. De certa forma, aprender que cada ser humano tem suas limitações, e que uma condição como a dela, nunca a impediu de fazer aquilo que deseja, é totalmente inspirador. Portanto, sou muito agradecida por ter estado presente na palestra que Bianca nos presenteou compartilhando sua história conosco e com muita simpatia, esclarecido todas as nossas dúvidas sobre o assunto.

O acadêmico Adriel Gomes Alves de Freitas, aluno do 3º período do curso de Enfermagem, declarou: “Tive uma experiência muito boa com a apresentação da Bianca,  esclarecendo e mostrando para nós acadêmicos uma visão diferenciada sobre a síndrome de Turner: uma visão mais humanizada. É um assunto interessantíssimo! As informações trazidas pela Bianca aumentaram o nosso conhecimento sobre a síndrome. Achei fundamental ela trazer a sua história de vida, pois tínhamos uma visão da síndrome e, após esta palestra, constatamos que a realidade é diferente! A palestra foi sensacional e muito esclarecedora!”.